Nem autoritarismo, nem pandemia...

NADA PODE DETER A CRASH!

 

O ano de 2019 não foi nada fácil. Um pesadelo miliciano tomou o poder e, desde então, tem feito tudo para arrastar o país rumo ao inferno. Neste filme de terror tosco e sem graça, a cultura é vítima preferencial. De modo que sobrou até para a CRASH: sem um centavo no bolso, a edição do ano passado aconteceu graças ao apoio inestimável de amigos queridos, espalhados por todo o Brasil. Se o abismo político parecia não ter fim, ao menos para a Mostra Internacional de Cinema Fantástico o ano de 2020 se apresentava promissor: fomos contemplados nos últimos editais ocorridos em nossa região – o Fundo de Arte e Cultura do Estado de Goiás e a Lei Municipal de Incentivo à Cultura de Goiânia. Estavam dadas as condições para uma CRASH de arromba. E então veio a pandemia...

Num primeiro momento, acreditávamos que até dezembro – tradicional data da mostra – a Covid-19 já estaria superada. Doce ilusão. 170 mil mortos depois, o horizonte permanece sombrio. O fato é que, quando nos demos conta de que a pandemia se prolongaria muito além do imaginado, tivemos que enfrentar uma dura escolha: adiar a 12ª CRASH para 2021, ou adaptá-la aos agora onipresentes formatos digitais. A CRASH nasceu em 1999, e nem sempre foi possível manter a desejada periodicidade anual. Contudo, desde 2016 temos conseguido a proeza de emplacar a mostra ano a ano. De modo que não seria agora que daríamos um passo atrás. Nem autoritarismo, nem pandemia. Nada pode deter a CRASH!

A primeira novidade desta edição é a parceria com a Darkflix – canal de streaming especializado em terror. Na impossibilidade de uma sala de cinema, é lá que a mostra ganhará seus espectadores. Com uma curadoria de cair o queixo, toda a programação estará, pela primeira vez, ao alcance dos fanáticos por cinema fantástico de todo o país. Mantivemos – e até ampliamos – as tradicionais oficinas, debates e lançamentos da CRASH. O formato adotado é o de lives – um poderoso fenômeno contemporâneo, diretamente ligado ao isolamento pandêmico. Mas nem só de tradição vive o cinema fantástico. Pela primeira vez teremos mostras competitivas no festival, onde serão premiados melhor curta nacional, melhor curta internacional e melhor longa-metragem.

Mas a cereja do bolo desta 12ª edição são mesmo os convidados internacionais. Desde que a mostra estendeu seus tentáculos para fora do Brasil, temos exibido filmes dos mais diversos rincões do planeta. Esta, contudo, é a primeira vez que a CRASH recebe a participação direta de verdadeiras divindades do cinema fantástico. Então, com vocês, ninguém menos que os maravilhosos UDO KIER e LLOYD KAUFMAN! Além de mostras especiais, nossos homenageados oferecerão masterclasses exclusivas.

 

As adversidades foram muitas, mas diante do atual panorama não poderíamos estar mais satisfeitos com a 12ª CRASH – Mostra Internacional de Cinema Fantástico. Esperamos que você se perca na ensandecida maratona preparada com todo o carinho – e muito sangue nos olhos. E de uma coisa pode ter certeza: mesmo se houver um apocalipse zumbi, a CRASH estará de volta em 2021.